Markus “Maluko” defeats Paulo Thiago and becomes the first Thunder Fight middleweight champion

[adsenseyu1]

  Markus "Maluko" defeats Paulo Thiago and becomes the first Thunder Fight middleweight champion

[adsenseyu2]

Markus "Maluko" exceeds Paulo Thiago and becomes the first middleweight champion Thunder Fight

Last Saturday the Sports Complex of the University Cruzeiro do Sul in Sao Miguel Paulista, received the seventh edition of Thunder Fight, which had a good crowd, great fights and a main duel consecrated Markus "Maluko" Perez as middleweight champion event. The team revelation athlete Ryan Gracie won the veteran former UFC fighter Thiago "Skull", which after dedicating his police career in BOPE, returned to compete in the National MMA. The next edition of Thunder Fight is already being prepared for the 30th of July and the organization promises another major fight weight, which certainly arouse public attention.

 

 

The main event of the evening was marked by much study. Both athletes always sought the best time to attack, not to be exposed to the opponent. Paulo Thiago adopted a counter strategy and expected the best time to release his powerful right hand over "Maluko". Meanwhile, the pupil Viscardi Andrade controlled the center of the cage and taking advantage of their size, kept Paul away and busy with his jabs, direct and some kicks. Paul has, on some occasions, knock Markus Maluko but could not impose his jiu-jitsu and even his ground and pound, as well Maluko fought the fight and defended himself as he could.

 

 

The weight of the fight could also be seen in the corner of the athletes. On the one hand, Maluko had the guidance of Viscardi Andrade and the other, Paulo Thiago heard of Rani Yahya guidelines on the fight. During the five rounds athletes maintained the same posture not to expose and alternated good moments during combat. At the end of the fight, Markus "Maluko" became champion by split decision of the judges, remaining undefeated in his young career and showing that it is one of the leading weight-average athletes who have operating in Brazil.

 

 

GUIDO CONQUEST VICTORY SANTOS WITH UPSET HISTORICAL PRA brendo ABOVE "BISHOP"
The most exciting match of the night was provided by Guido Santos, team Power Lotus, which rose category of roosters for the feathers, to face the talented and knockout artist Brendo "Bishop," Chute Boxe Diego Lima.

 

During the first round, confirming favoritism, Brendo charted a tough striking up Guido, who resisted the pressure imposed by the opponent and followed alive in combat, responding to attacks whenever possible. But without the same quality in striking, Guido suffered to leave the Brendo Bishop action radius then chastising and controlled the match throughout the first round.

 

The next round started as the first ended. Brendo imposing his standup and Guido trying to avoid it. However, unlike the first round, Guido managed to develop his ground game, and lassoed the Brendo leg. Still Brendo followed hard striking the face of Guido Santos who came to make faces while suffering the blows, remembering the historical moment of Ken Shamrock against Bas Rutten. Even suffering heavy blows, Guido did not give up the position and showed all his quality on the ground, managed to pull the leg Brendo Bishop in a very just knee brace which earned him another victory in his career, the third in Thunder Fight.

 

Check out all the results of Thunder Fight 7:

 

THUNDER FIGHT 7

June 25, UNICSUL, São Miguel Paulista - SP

 

CARD EVENT
Markus "Maluko" Perez defeated Paul "Skull" Thiago split decision of the judges 
William Cilli won Henerson "Nenem" by submission (armbar) in the second round 
Guido Santos won Brendo Bishop by submission (knee brace) in the second round 
Acacio Small won Octavian Sagas by TKO in the first round 
Eduardo "Fire" won Vinicius Barqueta by unanimous decision 
Keven Japa won Ediogo Alves by fianalização (rear naked choke) in round 
Rafael "Torch" won Wellington War by unanimous decision jurors 
Wanderlei "Mexican" won Wesley Constantine by submission (rear naked choke) in the second 
round 
Lucélia Souza won Oseny Dantas by unanimous decision 
Selson Bezerra defeated Raul Furlani by submission (rear naked choke) in the second round 
Junior Alves won Elton Roberto by submission (rear naked choke) in round one

MMA AMATEUR
Jaque Lion won Adriana Kurtz by unanimous decision

 

Markus “Maluko” supera Paulo Thiago e se torna o primeiro campeão peso-médio do Thunder Fight

No último sábado o Complexo Esportivo da Universidade Cruzeiro do Sul, em São Miguel Paulista, recebeu a sétima edição do Thunder Fight, que contou com um bom público, grandes lutas e um duelo principal que consagrou Markus “Maluko” Perez como campeão dos médios do evento. O atleta revelação da equipe Ryan Gracie venceu o veterano ex-UFC Paulo Thiago  “Caveira”, que após se dedicar a sua carreira policial no BOPE, voltou a competir no MMA Nacional. A próxima edição do Thunder Fight já esta sendo preparada para o dia 30 de julho e a organização promete mais uma luta principal de peso, que com certeza despertará a atenção do público.

 

 

A luta principal da noite foi marcada por muito estudo. Ambos os atletas buscavam sempre os melhores momentos para atacar, para não se expor para o adversário. Paulo Thiago adotou uma estratégia de contragolpe e esperava o melhor momento para soltar sua poderosa mão direita para cima de “Maluko”. Enquanto isso, o pupilo de Viscardi Andrade, controlava o centro do cage e, aproveitando de sua envergadura, mantinha Paulo distante e ocupado com seus jabs, diretos e alguns chutes. Paulo conseguiu, em algumas oportunidades, derrubar Markus Maluko, mas não conseguia impor seu jiu-jitsu e nem seu ground and pound, já que Maluko travava bem a luta e se defendia como podia.

 

 

O peso do combate também podia ser visto no corner dos atletas. De um lado, Maluko contava com as orientações de Viscardi Andrade e do outro, Paulo Thiago ouvia de Rani Yahya as orientações sobre a luta. Durante os cinco rounds os atletas mantiveram a mesma postura de não se expor e alternaram bons momentos durante o combate. No final da luta, Markus “Maluko” sagrou-se campeão por decisão dividida dos jurados, se mantendo invicto em sua jovem carreira e mostrando que é um dos principais atletas peso-médio que temos em atividade no Brasil.

 

 

GUIDO SANTOS CONQUISTA VITÓRIA COM VIRADA HISTÓRICA PRA CIMA DE BRENDO “BISPO”
O combate mais emocionante da noite ficou por conta de Guido Santos, da equipe Power Lotus, que subiu de categoria, dos galos para os penas, para enfrentar o talentoso e nocauteador Brendo “Bispo”, da Chute Boxe de Diego Lima.

 

Durante o primeiro round, confirmando o favoritismo, Brendo emplacou uma trocação duríssima para cima de Guido, que resistia a pressão imposta pelo adversário e seguia vivo no combate, respondendo aos ataques sempre que possível. Porém, sem a mesma qualidade na trocação, Guido sofria para sair do raio de ação de Brendo Bispo que seguida castigando e controlou o combate durante todo o primeiro assalto.

 

O round seguinte começou como terminou o primeiro. Brendo impondo sua trocação e Guido tentando evita-la. Porém, diferente do primeiro round, Guido conseguiu desenvolver seu jogo de chão, e laçou a perna de Brendo. Mesmo assim Brendo seguia golpeando duramente o rosto de Guido Santos que chegou a fazer caretas enquanto sofria os golpes, lembrando o momento histórico de Ken Shamrock contra Bas Rutten. Mesmo sofrendo duros golpes, Guido não desistiu da posição e mostrou toda sua qualidade no chão, conseguiu puxar a perna de Brendo Bispo em uma chave de joelho justíssima que lhe rendeu mais uma vitória em sua carreira, a terceira no Thunder Fight.

 

Confira abaixo todos os resultados do Thunder Fight 7:

 

THUNDER FIGHT 7

Dia 25 de junho, UNICSUL, São Miguel Paulista – SP

 

CARD DO EVENTO
Markus "Maluko" Perez venceu Paulo "Caveira" Thiago por decisão dividida dos jurados
Willian Cilli venceu Henerson "Nenem" por finalização (chave de braço) no segundo round
Guido Santos venceu Brendo Bispo por finalização (chave de joelho) no segundo round
Acacio Pequeno venceu Otávio Sagas por nocaute técnico no primeiro round
Eduardo "Bombeiro" venceu Vinicius Barqueta por decisão unânime dos jurados
Keven Japa venceu Ediogo Alves por fianalização (mata-leão) no primeiro round
Rafael "Tocha" venceu Wellington Guerra por decisão unânime dos jurados
Wanderlei "Mexicano" venceu Wesley Constantino por finalização (mata-leão) no segundo
round
Lucélia Souza venceu Oseny Dantas por decisão unânime dos jurados
Selson Bezerra venceu Raul Furlani por finalização (mata-leão) no segundo round
Junior Alves venceu Elton Roberto por finalização (mata-leão) no primeiro round

MMA AMADOR
Jaque Leão venceu Adriana Kurtz por decisão unânime dos jurados

[adsenseyu4][adsenseyu5]

No Comments Yet.

Leave a comment